domingo, 20 de fevereiro de 2011

Depois de uma caminhada ao ar livre, Débora decide soltar suas pérolas...

Jú: o que tu ta fazendo Dé?
Dé: tirando picão do meu tênis!
Jú: por quê?
Dé: porque se as pessoas verem vão pensar que eu tava no mato!
Jú: mas tu ta no mato Débora!
Dé: mas eles vão pensar que eu não vim sozinha!
Jú: mas tu não veio sozinha... eu vim contigo!
Dé: ai eles vão pensar que eu sou lésbica!
Jú: mas o Jhonattan veio também.
Dé: Jesus! Então eles vão pensar que é uma suruba! :O

Depois me perguntam porque eu a chamo de lezada...
Me faz rir sempre, pode apostar.

8 comentários:

Luana disse...

Hahahahaha
mto bom!

Heron disse...

ahIUhuihaiA, só a Deh consegue fazer essas coisas, Oh God!

Iule Karalkovas . disse...

Obrigado pela visita, em meu blog *-*
Estou seguindo aqui... O seu layout é lindo e os textos incríveis!

Priscilla Cavazzotto disse...

ahahahahaha
faz parte meninas
Beijos meus

Dil Santos disse...

kkkkkkkkkkkkkkkk
Adorei, kkkkk
Oi Júlia, vc tá bem?
Menina, que bom q tu gostou do meu cantinho e do poema, espero mais visitas suas heim? rsrs
Pois é menina, é difícil, mas graças a Deus o estado dela ñ é tão avançado e tal. Brigado pelo comentário viu? Adorei, rs.
Bjo

Marcos de Sousa disse...

Sua amiga é igual a mim. rsrs

Beijos

Luana Farias disse...

Amigas, sempre nos fazendo rir e tem como não chamar de lezada as nossas melhores amigas? Definitivamente não KK.
O mal dos amigos imaginarios é aquele que voce falou, eles não nos ensinam a ser fortes, mas pra isso existem outras pessoas e outras situações.
Gostei de saber que eu não era a unica a ter uma amiga imaginaria e o nome das nossas ainda era parecido rs. Fica com Deus, adoro aqui *-*

Débora Souza disse...

júuuuu! que saudade de você, de nossas andanças, viagens, besteiras, brincadeiras, amizade. eu amo você, mesmo com essa distância! nunca esqueça dos nossos momentos ju, boba! love you, kiss